Brasil x Paraguai - Faltou calma, muita calma

17/07/2011 23:25

Por: Felipe Ferreira (@felipepf13) do blog "Território Esportivo"

A seleção brasileira até que apresentou um bom futebol, dominou a partida do início ao fim, criou boas chances, porém, não teve a calma e a frieza necessária para conseguir chegar ao gol. Com isso, a equipe apenas empatou em 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação e, nos pênaltis, o time não acertou um pênalti, o Paraguai converteu apenas dois, o necessário para eliminar o Brasil, chegando a semifinal da competição.

O desempenho do selecionado verde-amarelo não foi ruim. A equipe encarou uma seleção paraguaia bastante fechada, mas em todo o jogo, a equipe conseguiu armar boas jogadas, teve bem mais posse de bola, contudo, não possuiu a calma de trabalhá-la mais e muito menos a frieza para chegar ao gol.

Já as estrelas brasileiras fracassaram. Ganso não apareceu, nem conseguiu exercer a função de meia-armador. Neymar se movimentou bem, perdeu gols feitos, mas não conseguiu repetir as atuações do Santos. Pato levou perigo, mas não é o centroavante certo, sem contar que está aquém de suas capacidades. Já Robinho, enfim, jogou bem, mas ele sozinho não é capaz de decidir o jogo.

A seleção paraguaia não jogou nada, jogou para levar o jogo para os pênaltis, onde teve a frieza para decidir a partida, contudo, precisa jogar mais bola se quiser ir mais longe.

Pela produção do Paraguai, a vitória não foi merecida. Já se formos pegar a ineficácia do time e do sr. Mano Menezes, que não soube mexer no time e nem aplicar com eficácia o processo de renovação, a vitória tinha que ser paraguaia.